Hoje: 19 de Apr de 2018

Políticos e empresários de Patos e Cajazeiras se reúnem com representante da Azul Linhas Aéreas

Representantes da Associação Comercial, Câmara de Dirigentes Logísticas (CDL) e Sindibens de Cajazeiras, Alexandre Costa e Raimundo Júnior, participaram nesta quinta-feira (21) em Patos de uma reunião com o representante Azul Linhas Aéreas. Na oportunidade, foi discutida a viabilidade de cidades do sertão paraibano em receber voos regionais.

Participaram da reunião, o prefeito de Patos, Dinaldinho (PSDB), os deputados Nabor Wanderley (PMDB) e Hugo Motta (PMDB), o senador Raimundo Lira (PMDB), João Azevedo, secretário estadual  de Infra Estrutura e Recursos Hídricos e Ronaldo da Silva, assessor do presidente da Empresa Aérea Azul.

De acordo com o represente da Azul, o plano de expansão já existe e o desejo da empresa é iniciar em 2018 esses voos no interior do nordeste. Um estudo técnico será realizado no aeródromo de Patos para saber se a pista comporta a aeronave que fará o percurso até Recife, capital pernambucana. Para ele, alguns investimentos terão que ser realizados.

Já para Cajazeiras, Ronaldo Silva, prometeu ao senador Raimundo Lira, uma visita no Aeroporto Regional. Laudos técnicos, pericias, condições de funcionamento e o balizamento noturno, todos esses detalhes serão entregues antes do mês de março, garantiu o senador paraibano.

Os empresários  Raimundo Júnior e Alexandre destacaram a importância da implementação de voos para o aquecimento da economia local e a união dos políticos do Vale do Sabugi e grande Patos. “Os investimentos e avanços terão que acontecer até porque é um desejo do governo federal. Destacar a união dos representantes políticos e sensibilidade de cada um com o projeto que beneficiará a região,” destacaram.

Hugo Motta falou da reunião: “Nosso objetivo é realizar esse sonho do povo de Patos, o sonho de ter a cidade mais aproximada de outros centros, de outras regiões, através de linhas aéreas. Isso trará desenvolvimento à nossa região”, finalizou Hugo Motta.

Por Gilberto Lira – Resenha Politika