Hoje: 19 de Nov de 2017

Janot aponta esquema de deputados federais e cita Manoel Jr;

Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, incluiu o nome do ex-deputado federal e atual o vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior (PMDB), entre os integrantes de uma organização criminosa suspeita de desvio de milhões de reais dos cofres públicos.

O nome de Manoel Júnior e de outros integrantes do PMDB e de mais três partidos (PSC, PTB e PTC) aparecem no documento de 64 páginas encaminhando por Janot na noite desta segunda-feira (26) ao Supremo Tribunal Federal (STF), denunciando o presidente Michel Temer(PMDB) e um de seus principais aliados, o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), por corrupção passiva, organização criminosa e obstrução de Justiça.

Para Janot, a organização criminosa era dividida em quatro núcleos. “Verificou-se a atuação de organização criminosa complexa, estruturada basicamente em quatro núcleos: a) O núcleo político, formado por partidos e por seus integrantes; b) o núcleo econômico, formado por empresas que eram contratadas pela Administração Pública e que pagavam vantagens indevidas a funcionários de alto escalão e aos componentes do núcleo político; c) o núcleo administrativo, formado pelos funcionários de alto escalão da Administração Pública; e, finalmente; d) o núcleo financeiro, formado pelos operadores que concretizavam o repasse de propinas.”