Hoje: 19 de Nov de 2017

Justiça alerta eleitores de Carrapateira e São José de Piranhas para o cadastramento biométrico

Justiça Eleitoral alerta os eleitores dos municípios de São José de Piranhas e Carrapateira para cumprirem o prazo de recadastramento biométrico e comparecerem para fazer o cadastramento das digitais. Os eleitores das duas cidades devem se dirigir até o Cartório Eleitoral para fazer o procedimento.

De acordo com George Januário, chefe de cartório da 40ª Zona Eleitoral, até o momento, dos 15.396 eleitores de São José de Piranhas, 3.298 já compareceram para fazer a revisão biométrica, um percentual de 21% do total. Em entrevista ao site, Radar Sertanejo, ele esse que em Carrapateira esse número é inferior. Isso porque as pessoas precisam se deslocar até a cidade vizinha para fazer o cadastro. No entanto, Januário explicou que no mês de agosto será instalado um posto na cidade, por um período de 30 dias, para facilitar o aceso dos eleitores.

George disse que todos os eleitores devem fazer o cadastramento biométrico. Caso contrário, terão título eleitoral cancelado. E isso repercute diretamente na situação do CPF e sem a quitação eleitoral o eleitor fica impedido de receber benefícios sociais do Governo, como Bolsa Família, se inscrever em vestibulares e concursos públicos, assinar contrato com qualquer órgão público, fazer empréstimo em banco público, entre outros.

Os documentos necessários para o cadastro biométrico são título eleitoral, documento oficial com foto, além de comprovante de residência de pelo menos três meses atrás, do ano corrente, além outro de qualquer mês do ano de 2016. O prazo final vai até dezembro.