Hoje: 19 de Nov de 2017

TJD-PB indefere ação do Treze contra Campinense

O presidente do Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba, Lionaldo Santos Silva, indeferiu a ação impetrada pelo Treze Futebol Clube, que pede a eliminação do Campinense Clube do Campeonato Paraibano, por supostas irregularidades com a nova Lei de Responsabilidade Fiscal do Esporte. O Alvinegro cobra do rival as certidões negativas de débitos (CND), pré-requisito para a disputa de qualquer competição no Brasil, depois que a presidente Dilma Rousseff sancionou em agosto do ano passado a MP 671, a MP do Futebol.

No despacho, o magistrado entende que, para pleitear a vaga teria o Treze, primeiramente, o dever de acionar a Federação Paraibana de Futebol sobre o caso, para resguardar o direito coletivo em detrimento do interesse individual.

Lionaldo Santos Silva ainda recorre ao jargão popular ‘Prudência e caldo de galinha não faz mal a ninguém’ para justificar sua decisão.

Desta forma, a partida entre Campinense e CSP, a ser disputada no próximo domingo (8), pelo jogo de ida das semfiinais do Campeonato Paraibano, está mantida.

MaisPB