Hoje: 22 de May de 2018

Tite se emociona em visita à Fundação Casa e presenteia interno

Tite deixou um pouco de lado o futebol e mostrou ainda mais seu lado humano. Na tarde desta terça-feira, o treinador do Corinthians visitou a unidade Belém da Fundação Casa. Convidado pelo ex-jogador do Timão Zé Maria, o técnico conheceu as instalações da unidade, conversou com os meninos e deu o pontapé inicial em um amistoso entre os internos contra os monitores.

Durante o discurso para os garotos, Tite ressaltou a importância do aprendizado nesta situação e se emocionou ao lembrar que seu filho tem faixa de idade próxima à dos internos.

– Todo mundo erra. Agora tem de aprender e seguir em frente. Quero voltar aqui mais vezes, mas não quero ver esses rostos que eu estou vendo agora. Vocês têm de sair daqui para nunca mais voltar – disse o treinador.

Tite visitou a sala onde os internos recebem aula de culinária, depois a de computação e na sequência foi para o local onde os garotos aprendem artes.

– O fato de eu estar aqui mostra para eles que somos todos iguais. Independentemente do que eles fizeram, nós somos do mesmo jeito.

Na unidade Belém, 46 internos reincidentes cumprem medida sócio-educacional. Um deles recebeu um presente especial. Um garoto que está ali por furto ganhou das mãos do treinador um terço. Tite é muito religioso.

– Eu costumo rezar e isso é importante. É bom receber uma visita como essas de uma pessoa como ele – agradeceu o interno.

Trabalho de Zé Maria

O ex-jogador Zé Maria já faz esse trabalho há 13 anos. Ele convida personagens importantes do esporte para levar palavras de incentivo aos internos. Quando estava no Palmeiras, Tite havia feito visita semelhante a outra unidade da Fundação Casa.

– A cobrança é diária. Eu frequento as unidades. Eles querem ver essas pessoas. É muito importante para eles receber uma visita. Esse trabalho faz com que os adolescentes convivam melhor – disse Zé Maria.

– É uma missão. Vim em um convite para entregar troféus e estou há treze anos – emendou o ex-jogador.